Posted: segunda-feira, 11 de maio de 2009


Vida, chega de farra :
O amor foi trabalhar pra manter o homem vivo
Não sei se volta ou é definitivo
E disse mais ainda
que poesia não alimenta a alma de quem sente
e que,meu Deus,___________A poesia mente!!!!



Neusa Doretto

4 comentários:

  1. Compulsão Diária 11 de maio de 2009 11:12

    Chega?
    Ah! Tá!Então, tá... então.

    Amor foi trabalhar pela

    vida! Lindo , forte


    E ela - poesia - mente?

    Tem jeito não, a vida é uma

    natureza morta, cruel e

    tarja preta;))

  2. Van 11 de maio de 2009 13:14

    Lindo!!!!!
    Adorei.
    Poema-ironia.
    Gosto.

    Beijucas

  3. Joe_Brazuca 11 de maio de 2009 13:16

    como disse meu bisavô ao meu avô :

    "Música e Poesia não enche a barriga de ninguem !...Largue essa flauta e vá dar um jeito na vida, moço !"

    Minha mãe virou professora de Harmônica ( ou sanfona mesmo, como queira...rs)

    e o filho de minha mãe, acha que é músico e poeta...
    coisinha da reencarnação ou da teimosia !...kkk

    muito bom !
    bj

  4. Marcos Pontes 11 de maio de 2009 18:55

    A vida é uma farra, se não o fosse não se permitiria virar poesia a qualquer momento. Poesia, aliás, que é a arte dos farristas que não sabem tocar violão e esses, os violonistas, precisam da poesia para serem gente.

BlogBlogs.Com.Br